Notícia

Modelo de Excelência em Gestão (MEG) é apresentado em capacitação da UPB

Set 22
  2020

Curso de formação continuada para GMCs propôs ampliar troca de experiências

 

O terceiro dia do UPB+ Online: Formação Continuada para Gestor Municipal de Convênio (GMC) apresentou o módulo introdutório ao Modelo de Excelência em Gestão (MEG). A capacitação realizada nesta terça-feira (22) pela União dos Municípios da Bahia (UPB), em parceria com o Ministério da Economia, foi transmitida ao vivo e contou com a participação de gestores do estado de Santa Catarina e do município catarinense de Gaspar. A orientação foi oferecida a mais de 130 participantes que estiveram online no canal da UPB no Youtube.  

 

O coordenador do MEG/TR do Ministério da Economia, Esaú Mendes, apresentou o marco legal e um modelo de gestão aplicável a pequenos e médios municípios. “Nossa régua além de ser simples tem um índice de objetividade elevado”. Ele citou ações fundamentais para o sucesso da implementação do modelo, entre eles o engajamento de gestores e servidores. “A auto administração precisa ser sensibilizada. Eu preciso buscar o comprometimento dela com a melhoria da gestão e dizer quais os benefícios de buscar a melhoria constante da gestão”, explicou.

 

Esaú Mendes sugeriu também a busca de parcerias com a sociedade civil para colaboração (universidades, câmara de comércio e outros). “Onde a gente viu constituir um comitê gestor isso foi muito positivo, ter alguém responsável por acompanhar e monitorar as ações, fazendo pesquisa e diagnóstico de como está sendo a aplicação do modelo”, orientou.

 

A troca de experiência trouxe também a apresentação de gestores como o prefeito de Gaspar (SC), Kleber Wan-Dall,  que lembrou a importância do MEG para o êxito da gestão. “É uma grande oportunidade que a gente tem de testar nossa equipe, de avaliar nosso time, rever uma série de medidas e processos internos e identificar várias oportunidades de melhorias com o objetivo principal de fazer a máquina pública ser mais ágil, eficiente e transparente”, explicou Wan-Dall.


O prefeito destacou ações como centralizar o setor de compras, contabilidade e tesouraria, fazer as licitações serem transmitidas ao vivo e aberta pela internet, promover uma reforma administrativa que exigiu especialistas em gestão pública para assumir funções e a criação de um escritório de projetos. Ele citou a importância em dar autonomia para a equipe de operacionalização e passou a palavra à assessora em gestão pública da Prefeitura de Gaspar, Kawana Sanches, que apresentou todas as etapas da implantação do MEG no município. Também se apresentou o comandante do Corpo de Bombeiros de Santa Catarina, Coronel Charles Vieira.

 

Outra experiência exibida nesta capacitação foi da Secretaria da Administração de Santa Catarina. O coordenador da Coordenadoria de Gestão Estratégica da secretaria, Wladimir Dalfovo, apresentou as diretrizes do modelo de gestão aplicada no estado com uma rede de boas práticas. Segundo ele, o desafio de implementar uma cultura de gestão pública direcionada por projetos, processos e indicadores tem um objetivo: “gerir de forma adequada os recursos para gerar valor público e entregar melhores serviços à sociedade”. Dalfovo citou ainda a redução de despesas e a transparência como alguns dos benefícios da implementação do modelo. “O MEG é um projeto de Estado e um indicador de esforço em Santa Catarina”, destacou Dalfovo.

 

Este módulo da capacitação foi encerrado com a participação dos debatedores, o coordenador de Captação de Recursos da UPB, Joelson Azevedo, a coordenadora de Informações Municipais da UPB, Jacira Cavalcante, e a assessora técnica da Federação Catarinense de Municípios (FECAM), Natasha Maia. Eles pediram alguns esclarecimentos aos palestrantes e agradeceram a oportunidade de trocar experiências com outros estados e municípios que têm uma aplicação exitosa do MEG.

 

Os agradecimentos finais ficaram por conta do diretor da UPB, Beto Maradona, que representou o presidente da entidade Eures Ribeiro. “A UPB está de parabéns por dar essa oportunidade de conhecermos esses projetos que deram certo no Brasil. São bons exemplos, que a gente espera que os próximos gestores, que assumem em janeiro, possam implementar e a UPB será parceira nisso, porque são fundamentais e é dessa forma que a população dessas cidades serão beneficiadas. A gente agradece a participação de todos, em especial de Esaú e Kleber, por compartilharem esse conhecimento conosco hoje”, afirmou o gestor.

 

A capacitação segue nos dias 23 e 24 de setembro, com a orientação sobre a Plataforma +Brasil. No dia 25 o debate será sobre a Elaboração de Projetos para Captação de Recursos. Já no dia 29, o último tema debatido será Correspondente Caixa Econômica Federal.

 

Certificado

Eventos, Palestras e Cursos

Redes Sociais

Links Úteis