Notícia

Prefeitos e Diretoria destacam celeridade e eficiência do novo setor de engenharia e arquitetura

Set 13
  2021

Capacidade de produção de projetos será dobrada

Na tarde desta segunda-feira (13), a União dos Municípios da Bahia (UPB) inaugurou o setor de engenharia e arquitetura, que passou por reforma e ampliação, realizada com recursos próprios da entidade. A diretoria executiva esteve presente na cerimônia e destacou a importância do serviço técnico especializado oferecido na UPB, que prevê a elaboração de projetos e emissão de pareceres de engenharia e arquitetura. A coordenação terá sua capacidade de produção de projetos dobrada.

O vice-presidente institucional, prefeito de Belo Campo, José Henrique Tigre (Quinho), destacou que a mudança terá impacto direto, especialmente nos municípios menores. “Essa iniciativa é de fundamental importância, tendo em vista que é uma necessidade, principalmente dos municípios pequenos, que não têm condições de manter um serviço de engenharia e arquitetura e a UPB vem sanar essa dificuldade”.

 “O que a gente observa é que os municípios têm procurado muito na UPB o setor de engenharia e arquitetura. Os municípios pequenos têm dificuldade para contratar engenheiros, principalmente no interior, e com a UPB bem estruturada vamos poder dar um melhor atendimento. Eu mesmo sou exemplo disso, já utilizei muito a engenharia da UPB”, afirmou o vice-presidente administrativo, prefeito de Miguel Calmon, Caca Requião.

Também presente no encontro, o primeiro tesoureiro, prefeito de Santana, Marcão Cardoso, ressaltou a importância de ter um projeto bem estruturado para captação de recursos. “Sem projeto não consegue recurso, nem executa uma obra. Neste sentido, a UPB está oferecendo melhores condições técnicas. A Coordenação de engenharia é altamente importante para atender os municípios, principalmente os de pequeno porte, porque têm mais dificuldade de contratar uma equipe técnica”. 
 
“Não se faz nada sem um bom  projeto, então esse apoio é fundamental, principalmente para aqueles municípios que precisam e não têm a estrutura para fazer esses projetos que são caros. Foi uma iniciativa muito importante para melhorar a qualidade de vida do nosso povo baiano”, destacou o segundo secretário, prefeito de Ilhéus, Mario Alexandre (Marão).

A iniciativa foi elogiada pelos prefeitos presentes. “São 417 municípios e o setor não tinha condições de atender a todos. Agora vai dar mais celeridade e alcançar um número maior de prefeitos, isso é o que todos nós esperamos”, disse o prefeito de Cocos, Marcelo de Souza Emericiano. “Há 32 anos que participo da UPB, estou no quinto mandato e percebo que realmente precisava dessa ampliação”,  finalizou o prefeito de Lagoa Real, Pedro Cardoso.

Certificado

Eventos, Palestras e Cursos

Redes Sociais

Links Úteis